♡ CONSULTORIA DE IMAGEM PESSOAL E ESTILO

A consultoria de imagem é o serviço personalizado que proporciona ao cliente um processo de autoconhecimento sobre sua própria imagem. Descobrir que é possível ter estilo e colocar sua personalidade na maneira como se veste usando peças que valorizem suas formas e seu corpo, sejam funcionais, sem haver desperdício de investimento nas roupas e acessórios. Usar tudo o que se tem já é um primeiro passo na questão do consumo consciente, e saber que mesmo com poucas peças é possível ter um guarda roupas cheio de looks, coloca praticidade do minimalismo na sua vida. Tudo isso é um super combo, que te ajuda a liberar espaço no seu dia a dia para o que realmente importa: viver!

 Integrando o Minimalismo na Consultoria de Imagem, você também aprende a investir em peças de qualidade, formando um guarda-roupas versátil que coordena entre si e que requer reposições e manutenções com menor frequência. Poupe tempo na hora de escolher o visual do dia e poupe dinheiro sabendo investir corretamente, eliminando as compras por impulso.

 Adicionando o Consumo Consciente ao processo, você vai se surpreender com a prática de ter menos peças e poder montar vários looks, com a diminuição e eliminação da compra por impulso e outras vantagens, como planejar suas compras baseando-se na sua necessidade e utilidade, peças multiuso e ainda readequação das peças que não são mais usadas, com reforma ou customização, por exemplo.

♺ CONSUMO CONSCIENTE

É o consumo com com consciência  de seu impacto e voltado à sustentabilidade. É uma questão de hábito: pequenas mudanças no nosso dia a dia têm grande impacto no nosso futuro. Assim, o consumo consciente é uma contribuição voluntária, cotidiana e solidária para garantir a sustentabilidade da vida no planeta. Ter consciência destes impactos na hora de escolher o que comprar, de quem comprar, definir a maneira de usar e de descartar, o consumidor pode maximizar os impactos positivos e minimizar os negativos, contribuindo com seu poder de escolha para um mundo melhor.

A humanidade já consome 30% mais recursos naturais do que a capacidade de renovação da Terra. Se os padrões de consumo e produção se mantiverem no atual patamar, em menos de 50 anos serão necessários dois planetas Terra para atender nossas necessidades de água, energia e alimentos. Com certeza esta situação ameaçará a vida no planeta e a melhor maneira de mudar isso é a partir das nossas escolhas de consumo.

Como você pode começar a praticar o Consumo Consciente?

Planeje suas compras
Avalie os impactos de seu consumo
Consuma apenas o necessário
Reutilize produtos e embalagens
Separe seu lixo
Use crédito conscientemente
Conheça e valorize as práticas de responsabilidade social das empresas
Não compre produtos piratas ou contrabandeados
Contribua para melhoria de produtos e serviços
Divulgue o consumo consciente
Cobre dos políticos
Reflita sobre seus valores

Como o Consumo Consciente pode ser aliado na Consultoria de Imagem?

Decisão de compra baseada na necessidade e utilidade
Comprar com menos frequência peças que sejam multiuso e coordenem com outras peças do armário
 Peças que não são mais usadas podem ganhar outra finalidade, ou ainda, outra cara – especialmente se forem peças mantidas por apego emocional

Tenha apenas o que você ama e tem funcionalidade ao mesmo tempo em que colabora para a manutenção do planeta e estimula novas ideias. Algumas vantagens do Consumo Consciente:

Cuidar apropriadamente das peças, evitando manutenção e conserto desnecessários
Aprender a investir corretamente; a peça pode ser um pouco mais cara, mas de qualidade superior
Compra certeira, adquirir apenas o que é necessário, já sabendo onde achar e quanto investir
Tendo menos peças, descartamos menos também, contribuindo para a limpeza do planeta
Além de aprendermos sobre nós mesmos e como podemos valorizar nossa imagem com roupas, acessórios e cores, aprendemos outras maneiras de ajudar o planeta e ainda descobrimos lojas e produtos locais, que sendo mais próximos de onde moramos, temos a oportunidade de ir conhecer, cultivar uma relação direta e saber mais sobre, contribuindo para a economia local
Por ser um movimento novo, o Consumo Consciente dá a oportunidade de surgimento de novas ideias e pesquisas pra que nossa vida fique mais prática, confortável e natural

Mais informações sobre Consumo Consciente aqui.

ᐃ MINIMALISMO

Muitos ainda têm a ideia do Minimalismo nas artes. Minimalismo tem se tornado um estilo de vida.

Movimento que nasceu na Ásia há bastante tempo, vem dando as caras no ocidente, se modernizando e se adaptando à nossa realidade, deixando a austeridade um pouco de lado pra focar na praticidade do dia a dia, liberando mais tempo e espaço físico nas nossas vidas e dando mais importância às coisas realmente úteis e que nos trazem felicidade, e às pessoas que amamos.

Pra se inspirar ainda mais, assista ao documentário “Happy – Você é feliz?” no Netflix.

10 Coisas que o Minimalismo pode mudar na sua vida:

Menos Estresse: Se tiver menos coisa, vai se preocupar menos, arrumar e organizar menos. Isso abre espaço na sua vida pra curtir ao invés de se preocupar. “Minimalismo não é sobre ter nada, é sobre ter o tanto certo de coisas.”
Ter mais tempo e ser mais produtivo: Ter menos coisas também significa ter menos distrações. Assim sobra tempo pro que realmente importa, seja trabalho, família, amigos, aprender outro idioma, outro esporte, outro hobby. “Sua cara é espaço pra viver, não pra guardar coisas.”
É melhor pro meio-ambiente: Tendo menos, você joga fora menos também. Isso contribui pra diminuição dos aterros [assista o documentário The True Cost, no Netflix, com legenda], diminui o uso de recursos naturais [como os 11 mil litros de água usados pra produzir uma calça jeans, por exemplo], e investe na economia verde, no cuidado com suas posses e em pesquisas que nos ajudem acada vez mais no consumo consciente! “Minimalismo é perguntar por que antes de comprar.”
Capacidade de viver em um espaço menor: O tamanho médio das moradias vem diminuindo significativamente nos últimos 40 anos, e ainda não conseguimos sincronizar o tanto de pertences que temos com o espaço em que vivemos [vide garagens e espaços de armazenamento lotados!]. Tendo menos pertences, todos eles caberão dentro da sua moradia, organizadamente.
Mais liberdade financeira: Menos material = menos dívida = mais dinheiro. Tente mudar a perspectiva que você tem sobre o que é realmente importante e essencial pra sua vida. “Tudo o que você precisa é menos.”
Referencial de bom exemplo: Tendo a abordagem minimalista pra si te define como um bom exemplo pra quem te rodeia. Você sabe cuidar melhor dos seus pertences, sabe organizar melhor, comprar melhor e desperdiça muito pouco. E isso influencia os outros. “Qualidade, não quantidade.”
Sem sentimento ruim: Com o Minimalismo, a sensação de sobrecarga vai embora. Tem menos coisa pra cuidar, sabe onde suas coisas estão [levando menos tempo pra procurá-las e organizá-las], e tudo está bem cuidado ao ponto de não gerar estresse em situação de emergência [como quando você resolve sair e percebe que, mesmo com o armário cheio de roupas, não tem o que vestir]. “Uma vez que você precisa de menos, você vai ter mais.”
Sem comparações: Quando você compara a sua vida com a do outro e percebe que ele possui coisas diferentes das suas, automaticamente gera a vontade de ter também, porque você vai ter a mesma felicidade que o outro. Mas é muito importante pensar se essas coisas que você tem vontade de ter porque o outro tem são realmente importantes e essenciais pra você, se trarão felicidade real. “Aquele que compra o que não precisa, rouba de si mesmo.”
Desapego do passado: Não precisamos nos esquecer do nosso passado, nem nos desfazer de tudo. Precisamos manter apenas as coisas que nos fazem extremamente feliz, nos trazem memórias lindas e que são úteis. “Tenha menos. Faça mais. Seja mais.”
Ser feliz: Essa é a ordem, é isso que o minimalismo traz pras nossas vidas. Quando somos rodeados apenas por aquelas coisas que nos fazem verdadeiramente felizes e que são úteis, a vida fica mais leve.